Notícias

BRASÍLIA REÚNE GOLFE E GLAMOUR

O Clube de Golfe de Brasília  é um exemplo de qualidade e desenvolvimento do nosso esporte, reunindo excelentes representantes na categoria juvenis, num belo e bem cuidado campo.

O trabalho com os jovens é comandado pelo experiente e dedicado profissional Heleno Andrade, que em 25 anos de trabalho no esporte acumula na sua carreira  grandes feitos no golfe juvenil. 

No último encontro das crianças no São Paulo Golf Club, Heleno teve a constatação de que o trabalho e a dedicação foram fundamentais para o alcance dos objetivos. 

"Queria realizar uma boa participação sem muita ambição, pois sabia que outros clubes tinham jogadores mais preparados. Mas conseguimos as melhores colocações, por equipes, com Henrique Matos Viana, João Gabriel e Alexandre Lazo com 29 tacadas.  Primeiro colocado por idade, Henrique Matos Viana jogou 25 tacadas e foi o melhor masculino geral.

"Eu tive a oportunidade de aprender  muito  com um especialista em trabalhar  com  crianças e  isso me ajudou muito nessa atividade. Falo do professor Luiz Martins, que tem uma dinâmica, e técnica regada a uma didática simples e objetiva no trato com as crianças e jovens. Hoje, no Brasil  se  alguém  quer trabalhar bem com os nossos  jovens  e filhos devem se permitir aprender  com o Luiz", afirma Heleno Andrade.

Recentemente Brasília se destacou nos campeonatos juvenis com Laura e Luiza Caetano, as duas irmãs que vem ano a ano registrando bons resultados no golfe nacional nas categorias Juvenil e Pré juvenil. Além delas, o Clube de Golfe de Brasília tem jogadores com grande potencial que certamente serão futuros campeões.

AtletaDeGolfe_LauraeLuiza

“Vamos ter a oportunidade de ver golfistas famosos dividindo espaço com estes futuros campeões, em um dos maiores torneios nacionais o Aberto do Brasil, que é de responsabilidade da Confederação Brasileira de Golfe que promete muito nessa nova gestão.  Devemos apoiar  e  tentar  de todas as formas ajudar aqueles que  se destacam no cenário nacional e que  realmente precisam de ajuda", diz Luiz Martins.

"Eu tive o prazer de conhecer e trabalhar com as  duas irmãs Laura e Luiza no Workshop em Brasília e também com o pai delas Zenildo,  e tenho certeza de que elas estão no caminho do sucesso.   Além dos tacos e outros produtos que iremos oferecer às duas irmãs, também está a proposta de encaminhá-las aos Estados Unidos para cursar uma universidade local com 100% BECA. O golfe brasileiro precisa desse apoio, direcionando e intensificando as ações onde é necessário.  Ajudar quem realmente  merece. A PGA do Brasil mudou seu foco rumo ao desenvolvimento, e com os nossos profissionais você descobrirá a história do esporte. Saberá porque o golfe é um esporte que começou com pastores que empurravam uma bola com um taco para embocar em um buraco, superando obstáculos para atingir um objetivo. E tudo o mais que quiser saber e nunca teve a oportunidade de perguntar", conclui Luiz  Martins presidente da entidade.”

 

Ivo Simon

Coodenador de Imprensa